'Cedo na cama, cedo batente: faz o homem próspero, saudável e inteligente.' Benjamin Franklin

Sono é causa de 30% das mortes em rodovias brasileiras

Capa post - Sono é causa de 30% das mortes em rodovias brasileiras

Texto: Postado em Estudos por Marcelo Morais no dia 17 de Maio de 2016 e última atualização dia 18 de Julho de 2018 .

Dados da Associação Brasileira do Sono (ABS) mostram que até 30% das mortes ocasionadas em rodovias brasileiras são causadas por motoristas que dormem ao volante. Pensando nisso, o Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) faz um alerta sobre os perigos de dirigir cansado e sonolento.

"Com o ritmo estressante e agitado do trânsito nas cidades e até mesmo a rotina pesada de caminhoneiro nas rodovias, os motoristas estão dirigindo cada vez mais cansados. Com sono, o condutor não consegue agir a tempo para desviar de uma batida ou corrigir a direção do seu veículo", aponta o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.

Segundo a Neurologista da ABS, Marcia Assis, o estresse é um dos fatores que mais refletem na qualidade do sono e que podem trazer prejuízos no trânsito.

"O estresse provoca um estado de hiperatividade em que os pensamentos estão acelerados e prejudicam o início do sono. Quando não dormimos o suficiente as nossas funções diárias, sejam sociais ou profissionais, ficam prejudicadas pela sonolência, alterações na memória e atenção. Dessa forma, ficamos mais sujeitos à acidentes graves", explica.

Para Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) dormir mal pode reduzir 50% a concentração do condutor no trânsito. Os motoristas e motofretistas que excedem horas de trabalho são considerados os mais vulneráveis ao sono na direção.

ATENÇÃO - O sono costuma aparecer a cada doze horas devido à produção de um hormônio chamado melatonina. Existem vários sinais que indicam o sono e que os motoristas devem ficar atentos, como bocejar, ter dificuldades de manter os olhos abertos, sair da faixa de direção e começar a invadir a pista contrária.

"Diversos medicamentos podem antecipar a sonolência, por isso, é importante que antes de ingerir a medicação esse fator seja levado em conta. Os especialistas recomendam que as pessoas tenham entre 7 a 9 horas de sono por noite. Entretanto, a variação desta quantidade de horas é variável de uma pessoa para outra, sendo assim, devemos obedecer uma rotina de horas de sono que seja suficiente para estarmos alerta e dispostos durante o dia", lembra Traad.

LEGISLAÇÃO – A Resolução 425/2012 do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) tornou mais rígido o exame médico para quem vai tirar ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Todos os candidatos que pretendem conquistar habilitação de motoristas profissionais, registrados com as categorias C, D e E devem passar, além da avaliação cardiológica, auditiva, neurológica e oftalmológica, por uma avaliação específica para se detectar possíveis distúrbios do sono.

Para tanto, é utilizada uma escala mundialmente aceita no setor científico, chamada escala de sonolência de Epworth. Nesta escala, o candidato irá responder sobre a chance de cochilar em situações corriqueiras.

Caso haja indícios de apneia do sono, o médico do tráfego poderá solicitar avaliação com o médico especialista na área e o exame de polissonografia. Dependo do resultado, o tempo de validade da CNH pode ser reduzido ou a categoria reclassificada até que o condutor busque o tratamento.

Fonte: Paraná Online

Comentários

Leia também...

Depressão está diretamente ligada ao sono

A ligação entre a depressão e noites mal dormidas foi comprovada e identificada pela primeira vez através de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Warwick (Reino Unido) e da Universidade de Fudan (China). Os cientistas descobriram que existe uma conectividade funcional entre as áreas do cérebro associadas à memória de curto... Leia o artigo »

31/08/2018

O alcoolismo pode agravar a insônia

Estudos revelam que consumir bebidas alcoólicas põe em risco a qualidade do sono. Temos, aqui, uma conclusão constatada a partir de 135 estudos [1], todos ligados a quatro bases internacionais de dados - Pubmed, Medine, Embase e Google Scholar. São pesquisas realizadas com homens e mulheres falantes da língua inglesa. Assim, tais estudos analisaram, de ... Leia o artigo »

24/04/2019

Pouco sono provoca solidão e rejeição social

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, Berkeley, descobriram, através de estudos científicos, que as pessoas privadas de um tempo saudável de sono sentem-se mais solitárias e evitam se envolver socialmente com outras pessoas. O estudo também revela que esse comportamento alienante tem resultados ainda mais devastadores, uma vez que esses indiví... Leia o artigo »

11/09/2018

Estudo mostra que memória tem um fascinante efeito no sono

A memória é prejudicada quando não temos uma boa noite de sono. Porém, dormir o suficiente e ter um sono de alta qualidade é essencial para transformar a memória, que de curto-prazo passa a ser de longo-prazo.  Sabemos como o sono afeta a memória, mas não ainda não sabemos como a memória afeta o sono. De acordo com uma teor... Leia o artigo »

25/01/2015

Cientistas não encontram correlação entre as fases da lua e o sono

Uma nova pesquisa do Instituto Max Planck de Psiquiatria, em Munique, revela que não há correlação entre as fases da lua e o sono humano. Durante séculos, as pessoas acreditaram que o ciclo da lua influenciava diretamente na saúde humana, em seu comportamento e em sua fisiologia. O Folclore popular liga principalmente a lua cheia com insônia. Mas e o... Leia o artigo »

16/10/2018

Compartilhe

Preencha seus dados aqui e junte-se a 4848 pessoas e receba no seu email dicas para dormir melhor.

Sobre

Passamos em média 36% da nossa vida dormindo e sabemos que uma noite ruim de sono significa num dia não muito bom pela frente. Através da nossa loja e blog, nosso objetivo é ajudar você dormir melhor. Leia um pouco sobre nossa história.