'O sono é a corrente dourada que une a saúde aos nossos corpos.' Thomas Dekker

É sempre seguro dormir com protetores auriculares? Há algum perigo?

Desde 2014, sempre escrevemos por aqui sobre protetores auriculares, principalmente em relação aos seus benefícios, mas quase nunca falamos sobre alguns riscos que envolvem o uso de qualquer tipo de protetor, principalmente se usado de forma indevida.

Protetores auriculares geralmente são seguros quando usados de forma certa durante o sono. Mesmo assim, é possível que o uso frequente gere problemas como dor de ouvido ou acúmulo de cera por exemplo.

Infelizmente - e eu já me vi nessa situação diversas vezes - o uso de protetores para algumas pessoas é indispensável na hora de dormir, noite após noite. Eles reduzem significativamente a quantidade de som que entram pelos seus ouvidos, e para alguns barulhos, até 100%, permitindo uma noite de sono melhor.

Sabendo do uso de forma indispensável para algumas pessoas, e também sabendo do carinho dos leitores que acompanham a gente desde 2016, resolvi escrever esse post completo com 'tudo de ruim' que pode acontecer durante o uso de protetores. Incluindo duas histórias pessoais.

Segurança

Pesquisas com protetores auriculares, geralmente apontam para segurança de usar protetores auriculares em relação a outros produtos que incentivam, melhoram ou facilitam a pessoa entrar no sono.

Dormir com protetores e também com máscaras de dormir, além de facilitar a pessoa a pegar no sono, favorece a produção de melatonina e também aumenta a fase do sono chamada REM Sleep, a mais profunda e significativa fase do sono.

Comparando os protetores com outros métodos para dormir, como o uso de remédios para apagar (essa é a verdade para muitos), o uso de protetores tem poucos efeitos colaterias, talvez até nenhum, usados de forma correta.

Risco 1 - Acúmulo de cera

Mesmo sendo seguros de uma forma geral, há pouca informação sobre como o uso frequente de protetores durante longos períodos pode efetar seus ouvidos. O primeiro risco é o acúmulo de cera.

Para quem não sabe, a cera produzida pelo ouvido, é uma substância que ajuda a proteger seu canal auditivo de água, bactérias entre outros males. A cera é importante para uma boa saúde auditiva, mas também pode causar problemas.

O uso repetido de protetores, atua bloqueando o canal auditivo, causando o acúmulo de cera, que pode causar:

  • Coceira e desconforto no ouvido
  • Zumbido no ouvido
  • Dificuldade auditiva
  • Tontura
  • Até tosse

Se você faz uso frequente de protetores, é necessário limpar o excesso de cera de vez em quando e talvez até usar um remédio do tipo aceratum, para pingar uma gotinha dentro do canal auditivo para dessolver parte da cera.

Em 2016, quando estava começando a usar protetores auriculares, tive meu primeiro problema com acúmulo de cera. Como nunca usei protetores e não tinha uma certa higiêne semanal com os ouvidos, logo nos primeiros dias usando, percebi que um dia ao retirar um dos protetores, continuei com a audição abafada e com um certo zumbido. Felizmente, por trabalhar com esse produto, já sabia o que fazer. Fui na farmácia, comprei o remédio que mencionei anteriormente e usei, e alguns minutos o problema estava resolvido.

E recentemente em 2020, depois de longos meses sem usar protetores auriculares e sem a higiêne devida durante o uso de protetores, tive o mesmo problema. Porém dessa vez, o remédio que dissolve a cera não resolveu, pinguei no ouvido durante uma semana. No final, tive que ir no postinho da cidade para fazer lavagem, é um procedimento simples onde é injetado uma certa quantidade de soro com pressão por uma siringa dentro do canal auditivo com problema. Nessa lavagem, sai uma pequena bolinha de cera de dentro do seu ouvido. É rápido e não machuca, algumas pessoas fazem em casa.

Risco 2 - Infecção

Também é possível que o uso regular de protetores auriculares cause infecção no seu ouvido. Isso ocorre como resultado de bactérias entrando no seu ouvido diretamente pelo uso de protetores.

Os sintomas de infecção no ouvido podem incluir:

  • Tontura
  • Nauseas
  • Vômito
  • Problema de audição
  • Coceira no ouvido
  • Zumbido

O tratamento de infecções no ouvido costumam ser bem mais sérios e podem levar a danos permanentes se não tratado.

É por esse motivo que os fabricantes, principalmente dos protetores auriculares de espuma, recomendam o descarte do produto após usar uma única vez. Mas essa nunca será a realidade!

Protetores auriculares de espuma e de qualidade são caros, ninguém quer descartar um par, que na verdade continua perfeitamente bom em relação a redução de ruído, logo após o primeiro uso. O ideal é sempre manter os ouvidos limpos, limpar o protetor com cotonetes secos para tirar o excesso de sujeira e guardá-los nos potinho fechado e limpo.

Ao perceber o protetor sujo, mesmo após tentar limpar, e até descolorindo, descarte-o! Se também estiverem pegajosos, mesmo que estejam com uma boa aparência, descarte-o!

Outra maneira de manter a segurança, principalmente em relação a limpeza, é usar protetores permanentes e duráveis, que você possa lavar com água e sabão. Um modelo permanente intra-auricular é o SilentEar e outro modelo permanente moldável é o Radians.

Risco 3 - Coceira, dor de cabeça e de ouvido

Esse tipo de problema geralmente acontece quando você está usando um protetor errado. Se você tem um canal auditivo pequeno e talvez até mais sensível, usar um protetor grande e denso como são os protetores com nível de redução de ruído máximo na casa dos 32-33DBs, pode lhe causar problemas.

Não adianta buscar o máximo nível de redução de ruído sabendo que esse protetor com performace máxima, também exerce muita pressão dentro do seu canal auditivo. Procure um protetor pequeno mais adequado. Procure um protetor pequeno mais adequado. Pessoalmente, acho muito incômodo dormir com protetores que não são adequados, eles machucam, causam desconforto e dor. Procure algum com nível de redução de ruído menor, mas que seja confortável de usar durante loooongas horas.

Conclusão

Tentei ser o mais claro possível sobre os riscos envolvendo o uso de protetores.

Se você acha que há algum tipo de informação que vale a pena incluir nesse post, por favor, entre em contato conosco.

Texto postado em 23 de Setembro de 2021 .

Comentários

Leia também...

Protetores auriculares moldáveis - Conheça mais

Protetores auriculares até podem ser pequenos, mas surpreendem em razão de sua eficácia e versatilidade. No artigo de hoje, abordaremos uma categoria especial de protetores: os moldáveis. Antes de experimentá-los, confira os parágrafos a seguir e conheça o que pode ser a melhor opção para seus ouvidos. Topa?   Boa leitura!  1... Leia o artigo »

30/07/2020

Clínicas do sono

As informações contidas na loja e blog do dorminhoco são para fins informativos e educacionais somente, não sendo destinadas a ser utilizadas para o diagnóstico, tratamento de qualquer condição médica ou substituir o conselho médico por profissionais de saúde qualificados. Se você vem sofrendo com problemas para dormir con... Leia o artigo »

03/05/2016

O que é polissonografia?

Já falamos diversas vezes aqui sobre apneia do sono e como o exame de polissonografia é capaz de detectar o problema, mas nunca falamos sobre o que é, como funciona, como se preparar e o que esperar do exame de polissonografia que também é utilizado para identificar outros problemas além da apneia do sono como ronco, dispneia à noite, sonolênc... Leia o artigo »

06/05/2017

Protetores auriculares eletrônicos - Inovação para seus ouvidos

O artigo que você lê agora é um daqueles textos que marca a trajetória de nossa loja, pois tem tudo a ver com uma grande novidade: são os protetores auriculares eletrônicos. De fato, significa um investimento para nosso site, uma vez que reconhecemos a importância de oferecer novos recursos para proteger nossos clientes contra o barulho. Mas antes fica ... Leia o artigo »

26/10/2020

O que são nootrópicos - Mini guia de introdução para iniciantes

Sendo uma loja e um blog especializada em produtos para dormir e dar dicas sobre dormir melhor, nunca foi a intenção do Dorminhoco falar sobre nootrópicos, porém, muitos dos produtos vendidos na nossa área de suplementos além de servirem para ajudar a dormir, servem também para uso como nootrópicos. Pensando nisso, resolvi escrever essa intro... Leia o artigo »

04/05/2016

Compartilhe

Preencha seus dados aqui e junte-se a 5515 pessoas e receba no seu email dicas para dormir melhor.

Sobre

Passamos em média 36% da nossa vida dormindo e sabemos que uma noite ruim de sono significa num dia não muito bom pela frente. Através da nossa loja e blog, nosso objetivo é ajudar você dormir melhor. Leia um pouco sobre nossa história.