'Um dia bem gasto traz um sono feliz.' Leonardo da Vinci

Óleos essenciais cítricos combatem o câncer de fígado

Estudo [1] revela que óleos essenciais cítricos são capazes de inibir o câncer de fígado. Afirma-se que os terpenos, também conhecidos como terpenóides, podem atuar contra células cancerígenas, segundo análise minuciosa.

Tal efeito acontece após a aplicação do composto químico citronelal, cujo receptor olfativo OR1A2 é uma molécula importante e considerada grande responsável pelo efeito curativo. Existe a chance de este receptor olfativo servir para diagnosticar a referida doença, considerando o fato de também usá-lo, no futuro, como possível forma de tratamento.

Ainda: os terpenos são capazes realizar processos de sinalização nas células, ativando os receptores olfativos. Estes receptores não estão localizados apenas no nariz. Eles são encontrados em vários tipos de tecido humano, a usar, como exemplo, o da próstata e até dos próprios espermatozoides. De acordo com a ação dos terpenos, a carcinogênese e o câncer são afetados, embora não seja totalmente entendido com clareza como funciona a atuação destes agentes curativos neste contexto.

Através dos experimentos realizados por esta pesquisa, agora é direcionada grande atenção aos receptores olfativos que estão localizados além do nariz e há maior esperança no desenvolvimento de novos fármacos sem efeitos colaterais agressivos, desenvolvidos para tratar casos relacionados ao câncer.

Referência bibliográfica:
https://www.sciencedaily.com/releases/2015/01/150119082958.htm

 

Texto postado em 13 de Maio de 2019 .

Comentários

Leia também...

Depressão está diretamente ligada ao sono

A ligação entre a depressão e noites mal dormidas foi comprovada e identificada pela primeira vez através de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Warwick (Reino Unido) e da Universidade de Fudan (China). Os cientistas descobriram que existe uma conectividade funcional entre as áreas do cérebro associadas à memória de curto... Leia o artigo »

31/08/2018

Cientistas descobrem proteínas que regulam o sono

Um novo estudo relatado no Proceedings of National Academy of Sciences (PNAS) mostrou que uma única mutação numa proteína dos ratos tem grandes efeitos na forma como os ratos dormem e em seu estado de vigília. Esta pesquisa também poderia lançar luz sobre os mecanismos fisiológicos que regulam o sono em humanos. Neste estudo realizado por pes... Leia o artigo »

23/10/2018

Genes que regulam o quanto sonhamos

O sono é um comportamento universal e extremamente vital para os animais. Em vertebrados superiores, como mamíferos e aves, o sono é classificado em duas fases: sono de movimento rápido dos olhos (REM, no qual ocorre os sonhos) e sono não REM. Durante o sono REM, nosso cérebro é tão ativo quanto quando estamos acordados, ao passo que acredita... Leia o artigo »

05/09/2018

Dormir mal engorda?

Pular uma única noite de sono causa mudanças na atividade cerebral, o que desperta a necessidade de consumir mais gordura durante o dia, segundo a descoberta feita por um estudo. Este mesmo estudo aponta a diferença entre a falta de sono e o risco de obesidade.  “A principal descoberta desse estudo é que uma única noite de sono perdida ou de pouco sono... Leia o artigo »

06/03/2015

Aparelho CPAP pode reduzir a frequência cardíaca em pré-diabéticos

Levando em consideração pacientes pré-diabéticos, que sofrem de apneia obstrutiva do sono, usar aparelho CPAP proporciona a eles melhor ritmo cardíaco durante o sono, favorecendo a saúde cardiovascular. Esta afirmação parte de um experimento controlado e randomizado (isto é, com a introdução de um elemento aleatóri... Leia o artigo »

01/03/2019

Compartilhe

Preencha seus dados aqui e junte-se a 5547 pessoas e receba no seu email dicas para dormir melhor.

Sobre

Passamos em média 36% da nossa vida dormindo e sabemos que uma noite ruim de sono significa num dia não muito bom pela frente. Através da nossa loja e blog, nosso objetivo é ajudar você dormir melhor. Leia um pouco sobre nossa história.