'Dez vezes ao dia deves saber vencer-te a ti mesmo; isto cria uma fadiga considerável.' Nietzsche (Zaratustra)

Óleo essencial de Bergamota (Bergamot Italy) - Benefícios e dicas de uso

Capa post - Óleo essencial de Bergamota (Bergamot Italy) - Benefícios e dicas de uso

Texto: Postado em Óleos essenciais por Marcelo Morais no dia 17 de Janeiro de 2018 e última atualização dia 26 de Março de 2019 .

A fruta da qual o óleo essencial de bergamota é extraído pode nos saciar a sede e matar a fome, possibilitando a preparação de sucos, doces de pote, sobremesas e acompanhamentos para pratos salgados. Em linhas gerais, as dúvidas que a acompanham até podem ser simples, como, por exemplo, o nome pelo qual devemos chamá-la: bergamota, laranja-cravo ou mexerica? Isso varia de acordo com cada região do Brasil. Em Curitiba, ela é chamada de “mimosa”; no Piauí e no Maranhão, “tanja”; no Rio Grande do Sul, “bergamota” (ou “vergamota”). Além das referências gastronômicas e culturais relacionadas à fruta, apresentaremos os benefícios e as dicas de uso do óleo essencial de bergamota.

O óleo essencial de bergamota, em virtude de suas propriedades medicinais, apresenta inúmeras utilidades em prol da saúde. Este óleo possui um aroma refrescante combinado com um cítrico balanceado, ligeiramente floral. Inalá-lo estimula a sensação de alegria, frescor e energia. A tonalidade de sua cor está entre o verde e o verde-oliva; quando exposto à luz solar ou ao oxigênio, exibe uma tonalidade mais clara, algo próximo a um tom quase marrom, mesclado com uma cor verde-oliva amarelada ou pálida. Alguns dos benefícios mais comuns do óleo essencial de bergamota incluem: tirar a tensão emocional, funcionar como um potente antidepressivo, aliviar as dores dos músculos e das articulações, auxiliar o sistema digestivo, sanar irritações na pele, funcionar como sedativo, retirar impurezas da pele, eliminar germes e bactérias, sanar o estresse e diminuir a tosse.

1 - Características importantes

  • Óleo essencial: 100% puro e natural (compre na loja)
  • Descrição olfativa: fresco, cítrico e floral
  • Precaução: as contraindicações serão citadas no final do artigo
  • Nome científico: Citrus bergamia, Citrus aurantium

2 - Histórico de utilização

O óleo essencial de bergamota é extraído da casca da fruta através do processo de compressão, que é diferente da destilação a vapor. Ainda que suas raízes pertençam ao sudeste da Ásia, a bergamota foi cultivada no sul da Itália. Conforme o parecer de alguns historiadores, foi Cristóvão Colombo quem a introduziu em terras italianas. O óleo essencial de bergamota, inclusive, foi nomeado assim por causa da cidade de Bérgamo, situada na Lombardia, onde o óleo era comercializado originalmente. Sua popularidade aumentou quando a água-de-colônia fez sua estreia na Itália durante o século XVI. Isso estimulou a produção do óleo essencial de bergamota, já que é um dos ingredientes principais. Tradicionalmente, o óleo essencial de bergamota foi utilizado na medicina tradicional italiana para aliviar as febres, expulsar os vermes intestinais e proteger contra a malaria.

Na França, ele foi usado para combater a perda de apetite, a inquietação, as cólicas, a depressão, a indigestão, a infecção, a inflamação, os insetos, a insônia, os parasitas intestinais, o reumatismo, o estresse e a candidíase vaginal.

O óleo essencial de bergamota dá um rico e agradável sabor ao chá Earl Grey e é considerado um dos óleos mais populares no ramo da perfumaria, pois tem um efeito fixador quando usado em altas concentrações. Também é utilizado pela indústria farmacêutica, tanto para diluir os odores desagradáveis de determinados remédios como por suas propriedades anticépticas e antibacterianas.

3 - Principais componentes terapêuticos e nutricionais

  • alfa-Pineno
  • Limoneno
  • alfa-Bergapteno
  • bêta-Bisabolène
  • Nerol
  • Geraniol
  • Linalol
  • alfa-Terpineol
  • Mirceno
  • Acetado de Nerilo

O óleo essencial de bergamota é composto por, principalmente, hidrocarbonetos, monoterpenos, alcoóis monoterpenos e ésteres e faz parte da família das rutáceas. É rico em compostos polifenóis e tem a distinção de ser a única fruta cítrica que contém melitidina e brutieridina, que comprovaram ter um efeito anticolesterol comparado ao das estatinas.

Na medicina tradicional chinesa, o óleo essencial de bergamota é utilizado para ajudar o fluxo de energia vital, para que o sistema digestivo possa funcionar corretamente. Também se usa para amenizar a indigestão e os gases.

Agora, vamos conhecer algumas dicas para uso e benefícios do óleo essencial de bergamota.

4 - Benefícios

4.1 - Antidepressivo

Fadiga, baixa alto-estima, insônia, perda de apetite, desinteresse pelas atividades cotidianas... São diversos os sintomas da depressão. Contra isso, entre vários remédios naturais que chegam à raiz do problema, temos o óleo essencial de bergamota que funciona como antidepressivo e eficaz estimulante.

Utilizá-lo por meio da inalação, estimula a sensação de alegria e energia porque melhora a circulação sanguínea. Há, também, uma série de processos fisiológicos incluídos, como a redução da fadiga mental ou física por meio do estímulo das substâncias hormonais, além de acelerar a produção de suco gástrico, recuperando o apetite do paciente. Use o óleo essencial de bergamota esfregando 2-3 gotas na palma das mãos e coloque-as perto da boca e do nariz. Assim, inale o aroma lentamente. Pode aplicar o óleo em certos pontos nos pulsos para um efeito duradouro.

O óleo essencial de bergamota também pode ser usado em difusores com óleos transportadores, tal qual o óleo de oliva ou o óleo de coco.

Outra dica de uso é acrescentar algumas gotas na água do banho.

4.2 - Combate a ansiedade

O óleo essencial de bergamota age feito um relaxante para a mente, diminuindo o estresse e a ansiedade. Os flavonoides do óleo atuam sobre as glândulas, estimulando a produção de serotonina e dopamina nos neurotransmissores. Além de beneficiar o sistema nervoso, produz um efeito suave que ajuda a relaxar o corpo e a mente.

Quando surgem dificuldades para concentrar-se na execução de tarefas diárias por conta da ansiedade ou de problemas para dormir (insônia), o óleo essencial de bergamota pode vencer estes obstáculos! As crianças e os adolescentes que se preparam para provas importantes ou os adultos que, diariamente, precisam tomar decisões no trabalho, terão maior clareza nos pensamentos e mais concentração em meio às tarefas.

4.3 - Para tratar problemas digestivos

O consumo de algumas gotas do óleo acelera o movimento peristáltico do sistema gastrointestinal, acelerando o ritmo do movimento dos alimentos. Isso tem uma série de efeitos benéficos. Por exemplo, reduz a quantidade de tempo em que o alimento permanece no intestino grosso e promove a regularidade. Sabe-se que quanto mais tempo a comida permanece no sistema digestivo, maior é o risco de desenvolver câncer neste local. Isso se deve às substâncias tóxicas liberadas pela comida que causam danos à parede intestinal. O óleo ajuda a melhorar a digestão e a absolvição de nutrientes.

Algumas gotas do óleo essencial de bergamota esfregado na região do estômago produzem este efeito benéfico. É muito útil às crianças que se negam a comer devido à falta de apetite.

4.4 - Age como um excelente vermifungo

O óleo essencial de bergamota pode ser utilizado para eliminar as lombrigas intestinais que causam anemia, especialmente em crianças. Quando as crianças pequenas têm uma aparência de cor amarelada, abdômen distendido e se queixam de dores estomacais frequentes, podem ter vermes. Esfregue 2-3 gotas do óleo na região do abdômen.

Em comparação com outros remédios herbáceos, como o óleo de rícino, o tratamento com o óleo essencial de bergamota é muito mais agradável e suave. Para crianças muito pequenas, a aplicação de apenas uma gota no abdômen pode ser suficiente.

4.5 - Reduz a febre

O óleo essencial de bergamota combate as infecções causadas por bactérias danosas. Também reduz a temperatura corporal, aliviando o estresse e estimulando a substâncias hormonais. A sensação de calor que ocorre quando seus níveis hormonais estão elevados provoca suor e isso ajuda a diminuir a febre.

4.6 - Alivia a congestão

O óleo de bergamota é um anticongestivo, o que significa que alivia a congestão e os problemas respiratórios, seja um resfriado, seja uma tosse. Ele desprende o catarro e o muco no sistema respiratório e ajuda o corpo a eliminar esta acumulação não desejada ao espirrar ou tossir. Isso ajuda o corpo a eliminar os germes e as toxinas que se desenvolvem no corpo quando se está doente. Use um aromatizador ou um queimador de óleo ou esfregue cinco gotas de óleo essencial de bergamota nas mãos e coloque-as próximo à boca e ao nariz. Também pode experimentar esfregar o óleo na garganta e no peito.

4.7 - Promove o equilíbrio hormonal

O óleo essencial de bergamota parece ter um efeito regulador sobre as glândulas endócrinas que produzem vários hormônios. Isso inclui a insulina pelas células pancreáticas e hormônios reprodutivos pelos ovários. Muitas mulheres que tomam regularmente o chá Earl Grey (um tipo de chá com adição do óleo de bergamota) tem uma notória redução dos problemas hormonais em relação à menstruação e à menopausa. O óleo de bergamota ajuda os diabéticos a controlar o nível de açúcar no sangue.

4.8 - Cuida da saúde da pele

O óleo essencial de bergamota é considerado cicatrizante, razão pela qual pode reduzir as cicatrizes e outras imperfeições na pele. É, em particular, útil para eliminar marcas de acne. Este óleo também atua sobre a pigmentação da pele, suavizando as manchas escuras ao efetuar uma distribuição uniforme da melanina.

Pode-se usar o óleo de bergamota misturado com água para criar um enxaguante facial. A ação eliminadora de gordura do óleo retirará o excesso de impurezas no rosto, deixando-o liso e suave. Sua ação antimicrobiana pode ajudar a prevenir a acne. O óleo essencial de bergamota está presente em muitos produtos de higiene, incluindo sabões e xampus.

4.9 - Cuida da saúde dos dentes

O óleo essencial de bergamota pode ser usado como enxaguante bucal para evitar o mau hálito. Sua ação antimicrobiana mantém os germes bucais sobcontrole, enquanto que o aroma agradável e cítrico proporciona frescor. Misture uma ou duas gotas de óleo de bergamota com sua pasta de dente ou misture 2-3 gotas em uma xícara de água e faça gargarejos.

O óleo essencial de bergamota pode, inclusive, prevenir as caries e reduzir dores já existentes. Aplique uma gota do óleo de bergamota no dente afetado e enxague bem.

4.10 - Controla o açúcar no sangue

Sabe-se que tomar pequenas quantidades de óleo de bergamota reduz os níveis de açúcar no sangue em diabéticos. A medicina convencional ainda não reconhece abertamente os benefícios para a saúde dos óleos essenciais, incluídos os do óleo essencial de bergamota. Ao mesmo tempo, advertem rapidamente que o uso de óleo de bergamota pode provocar uma redução drástica no nível de açúcar no sangue dos diabéticos. Aplicar 1-2 gotas de óleo em certos pontos no pulso pode ajudar a manter os níveis sanguíneos de glicose dentro do normal.

Como no caso de qualquer óleo essencial, o óleo de bergamota deve ser usado com precaução e em pequenas quantidades segundo a prescrição de um profissional confiável.

4.11 - Desodorante natural

O óleo essencial de bergamota previne o crescimento de germes que causam mau odor corporal. O aroma refrescante e cítrico do óleo de bergamota é usado como desodorante natural e ambientador. Seu forte aroma elimina os odores indesejáveis no corpo ou em um cômodo da casa. Pode acrescentar 2 ou 3 gotas de óleo de bergamota ao desodorante que é usado habitualmente ou aplicar o óleo diretamente nas axilas.

Muitas empresas incluem o óleo essencial de bergamota em seus perfumes e colônias. Tente criar sua própria fragrância com óleo de bergamota, combinando-o com seus aromas favoritos. Algumas excelentes opções incluem óleos de limão, madeira de cedro ou sândalo.

4.12 - Previne infecções

O óleo essencial de bergamota é usado em sabões para a pele porque inibe o crescimento de germes, fungos e vírus. Quando se aplica o óleo em sua pele ou cabelo, reduzirá o risco e infecção e não faltará o brilho. O óleo de bergamota também cura as infecções intestinais, renais e urinarias. Para se aproveitar este incrível benefício, esfregue óleo de bergamota na garganta, no abdômen e nos pés.

Usar um aromatizador também é uma grande opção; o aroma do óleo de bergamota pode ter um impacto tremendo.

4.13 - Diminui a dor

Devido ao fato de o óleo essencial de bergamota aumentar as substâncias hormonais, consequentemente ela diminui a sensibilidade dos nervos afetados pela dor. Por esta razão, o óleo essencial de bergamota é uma excelente maneira de reduzir os sintomas de lesões, dores musculares e dores de cabeça. Em vez de confiar em analgésicos, que têm efeitos colaterais desagradáveis, use este óleo seguro e natural para aliviar a dor e a tensão. Uma pesquisa mostra que o óleo essencial de bergamota pode ser utilizado em medicina complementar para minimizar a tensão corporal. Para reduzir a dor, esfregue cinco gotas de óleo de bergamota nos músculos doloridos ou onde sente tensão.

5 - Contraindicações

O óleo essencial de bergamota é altamente fototóxico. A IFRA (Associação Internacional de Fragrâncias) recomenda que o óleo essencial de bergamota seja limitado a uma diluição máxima de 0,4% no produto final.

Não aplique o óleo essencial de bergamota na pele que estará exposta à luz solar ou à luz ultravioleta antes de 72 horas, ao menos que seja o óleo essencial de bergamota FCF. Caso contrário, isso aumentará a possibilidade de queimaduras, bolhas e erupções cutâneas nas áreas expostas ao sol. É aconselhável usar protetor solar e roupa protetora quando passar tempo sob a luz solar, principalmente se este tipo de medicamente está sendo usado.

Se você usa óleo de bergamota e tem diabetes, assegure-se de controlar seus níveis de açúcar no sangue regularmente. Caso tenha uma cirurgia programada, deixe de usar o óleo de bergamota ao menos duas semanas antes da etapa cirúrgico, já que pode interferir no controle do açúcar no sangue durante o procedimento.

Houve efeitos colaterais graves em crianças que tomaram grande quantidade de óleo de bergamota, e não deve ser usado por mulheres que estão em fase de gravidez ou amamentação.

Fontes referenciais:
https://comidasebebidas.uol.com.br/listas/tangerina-mexerica-ou-bergamota-aproveite-a-safra-e-saiba-mais-sobre-elas.htm
https://draxe.com/bergamot-oil/
http://www.naturallivingideas.com/bergamot-essential-oil/
https://www.theresaneoforthat.com/bergamot-essential-oil-properties-benefits/

Comentários

Leia também...

Óleo essencial de Menta Piperita - Benefícios e dicas de uso

É fato: a medicina alternativa veio para nos surpreender positivamente! São tantas opções, tantas utilidades... Nossa loja virtual, que possui diversos produtos para dormir, disponibiliza também uma linha preciosa de óleos essenciais. Dentre eles, hoje nós apresentaremos o óleo essencial de menta piperita, também chamada de hortel&atil... Leia o artigo »

11/05/2018

Óleo essencial de Citronela - Benefícios e dicas de uso

Desde nossas primeiras postagens até então, tratamos como prioridade oferecer a você as novidades que surgem no ramo da aromaterapia, e hoje não será diferente! Apresentaremos o óleo essencial de citronela, uma ótima opção para quem deseja alcançar mais saúde e explorar as maravilhas da medicina alternativa. Aliás, ... Leia o artigo »

11/05/2018

Óleo essencial de Palmarosa - Benefícios e dicas de uso

Óleos essenciais são pequenas preciosidades. Cada um possui características exclusivas, porém todos apresentam um ponto em comum, totalmente voltado para o uso consciente e feito sob a orientação de um profissional capacitado. Hoje, apresentamos uma novidade, que é o óleo essencial de Palmarosa. Nós abordaremos seus benefícios, ... Leia o artigo »

05/07/2019

Óleo essencial de anis-estrelado - Benefícios e dicas de uso

A aromaterapia oferece um leque de opções que, através do uso consciente e responsável, ajuda a restaurar a saúde física e mental. Hoje, trazemos mais uma novidade. É o óleo essencial de anis-estrelado. Há alguns anos, até reservamos um espaço aqui para apresentarmos um artigo completo sobre o chá de anis-estrelado... Leia o artigo »

14/05/2019

Óleo essencial de Alecrim - Benefícios e dicas de uso

Alecrim: nome que causa familiaridade nos amantes da boa gastronomia. Esta plantinha, apesar de quase imperceptível em pratos sofisticados, melhora-os significativamente com seu sabor inconfundível. Hoje, iremos um pouco além da mesa. Falaremos do óleo essencial de alecrim, especificando seus benefícios e dicas de como melhor usá-lo. Para quem faz uso... Leia o artigo »

29/01/2018