'Não é pouco saber dormir; para isso é preciso aprontar-se durante o dia.' Nietzsche (Zaratustra)

Hipnose pode ajudar no sono

Capa post - Hipnose pode ajudar no sono

Texto: Postado em Estudos por Marcelo Morais no dia 04 de Fevereiro de 2015 e última atualização dia 14 de Setembro de 2018 .

Estudos descobriram que pessoas suscetíveis à hipnose podem ter um sono melhor depois de uma sessão rápida de hipnose, dizem pesquisadores suíços.

Depois de fazer uma sessão de hipnose através de um áudio, 80% das mulheres que fizeram a sessão passaram mais tempo na fase de sono profundo comparadas àquelas que não fizeram a sessão. 

“Existem muitos relatos de que a hipnose pode ser um bom método para promover o sono”, diz Bjorn Rasch, professor do departamento de psicologia na divisão de biopsicologia da Universidade de Fribourg, na Suíça.

Esse é o primeiro estudo que avalia através da atividade das ondas cerebrais o impacto da hipnose no sono profundo, para mostrar que, de fato, a hipnose é uma possibilidade real de tratamento para dormir melhor ou aumentar a qualidade do sono.

O sono é dividido em várias fases, como já explicamos aqui. A fase de sono profundo é a mais reparadora, sendo esta fase responsável por deixar o cérebro processar tudo que aconteceu durante o dia. Ao longo da vida, conforme vamos envelhecendo, a quantidade de sono profundo vai diminuindo significativamente, e quando se chega aos 50 ou 60 anos, grande parte da população quase não tem essa fase de sono profundo e isto se torna uma queixa comum.

Para explorar os efeitos da hipnose no sono, a equipe usou 70 mulheres voluntárias, com idades entre 18 e 35 anos. Todos participaram de uma série de 5 experimentos durante 5 semanas. Nenhuma das participantes tinha histórico de problemas no sono e nem tomam qualquer tipo de remédio para dormir.

Comentários

Leia também...

Por que dormimos mal na primeira noite em um novo lugar?

A chamada FNE (Fisrt Night Effect), em tradução livre seria “efeitos da primeira noite de sono”, faz parte da vida dos seres humanos desde o tempo das cavernas. Contudo, a ciência por trás desse comportamento permaneceu um mistério durante muito tempo. O FNE é tão comum que os especialistas do sono sempre descartam os dados colhidos na pr... Leia o artigo »

18/09/2018

A qualidade do sono infantil está ligada à insônia das mães

Conforme pesquisas realizadas pela Universidade de Warwick e a Universidade de Basilea [1], meninos e meninas costumam dormir mal se suas mães sofrem de insônia – problema que pode afetar o desenvolvimento mental e o bem-estar infantil.  Nos estudos em questão, foram analisadas cerca de 200 crianças saudáveis entre 7 - 12 anos (idade escolar), incluindo... Leia o artigo »

24/04/2019

Óleos essenciais cítricos combatem o câncer de fígado

Estudo [1] revela que óleos essenciais cítricos são capazes de inibir o câncer de fígado. Afirma-se que os terpenos, também conhecidos como terpenóides, podem atuar contra células cancerígenas, segundo análise minuciosa. Tal efeito acontece após a aplicação do composto químico citronelal, cujo receptor... Leia o artigo »

13/05/2019

O alcoolismo pode agravar a insônia

Estudos revelam que consumir bebidas alcoólicas põe em risco a qualidade do sono. Temos, aqui, uma conclusão constatada a partir de 135 estudos [1], todos ligados a quatro bases internacionais de dados - Pubmed, Medine, Embase e Google Scholar. São pesquisas realizadas com homens e mulheres falantes da língua inglesa. Assim, tais estudos analisaram, de ... Leia o artigo »

24/04/2019

Genes que regulam o quanto sonhamos

O sono é um comportamento universal e extremamente vital para os animais. Em vertebrados superiores, como mamíferos e aves, o sono é classificado em duas fases: sono de movimento rápido dos olhos (REM, no qual ocorre os sonhos) e sono não REM. Durante o sono REM, nosso cérebro é tão ativo quanto quando estamos acordados, ao passo que acredita... Leia o artigo »

05/09/2018