'O sono é doce para o trabalhador.' John Bunyan

A insônia e suas diversas faces

19 de Março de 2019

Muitas pessoas acreditam que a insônia é um transtorno livre de qualquer pluralidade. Enganam-se! De acordo com os pesquisadores do Instituto Holandês de Neurociência [1], existem cinco tipos de insônia.

O tipo nº1 gera forte influência sobre sentimentos negativos, como angústia ou depressão. Já os tipos nº2 e nº3 causam menor nível de apreensão, embora haja instabilidade entre o alto e o baixo nível referentes ao sistema de recompensa do cérebro. Os tipos nº4 e nº5 sinalizam menos aflição e mostram instabilidade no sono conforme os eventos estressantes ocorridos diariamente.  

Para especificar as diversas faces da insônia, foram realizados experimentos com inúmeros voluntários, todos sob a análise da Dr.ª Tessa Blanken e de seus companheiros do Instituto Holandês de Neurociência. O estudo também destacou o quanto é complexo encontrar mecanismos cerebrais resistentes e tratamentos efetivos.

Segundo os responsáveis pelos experimentos: “Antes, sempre considerávamos a insônia um único transtorno. Na realidade, ela representa cinco transtornos diferentes. Os mecanismos cerebrais subjacentes podem ser muito diferentes. Em comparação, nosso entendimento acerca da demência teve maior esclarecimento uma vez que descobrimos seus diferentes tipos, como o Alzheimer – demência vascular e frontal-temporal”.

Referência bibliográfica
https://www.sciencedaily.com/releases/2019/01/190108101213.htm

Comentários